Associação entre religiosidade, atividade física e comportamento sedentário em adolescentes

Autores

  • Edilânea Nunes Mélo
  • Aldemir Smith Meneses
  • Agostinho Agostinho Gonçalves da Silva Júnior
  • Rildo de Souza Wanderley Júnior
  • Mauro Virgílio Gomes de Barros

DOI:

https://doi.org/10.12820/rbafs.v.17n5p359-369

Palavras-chave:

Religião, Comportamento do adolescente, Atividade motora, Estilo de vida sedentário.

Resumo

O objetivo deste estudo transversal foi analisar a associação da religiosidade com o nível de atividade física, comportamento sedentário e participação na educação física em adolescentes estudantes do ensino médio da rede pública do estado de Pernambuco. Dados de 4207 estudantes (14-19 anos) foram coletados mediante utilização do Global School-based Health Survey. Os dados foram analisados mediante análises bivariáveis e multivariáveis. Comparados aos adolescentes que relataram “não ter religião”, os católicos tinham maior chance de apresentar nível insuficiente de prática de atividade física (OR=1,39; IC95%:1,14-1,71) e comportamento sedentário em dias do final de semana (OR=1,26; IC95%:1,03-1,53). Identificou-se também que os evangélicos apresentaram chance 76% superior de não participar das aulas de educação física (OR=1,76; IC95%:1,36-2,27). A prática religiosa estava associada a todas as variáveis, exceto à atividade física. Concluiu-se que a religiosidade é um fator associado à atividade física, comportamento sedentário e participação na educação física.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-04-03

Como Citar

1.
Mélo EN, Meneses AS, Silva Júnior AAG da, Wanderley Júnior R de S, Barros MVG de. Associação entre religiosidade, atividade física e comportamento sedentário em adolescentes. Rev. Bras. Ativ. Fís. Saúde [Internet]. 3º de abril de 2013 [citado 17º de outubro de 2021];17(5):359-6. Disponível em: https://www.rbafs.org.br/RBAFS/article/view/2175

Edição

Seção

Artigos Originais