EFEITOS DA IDADE NA APTIDÃO FÍSICA EM ESCOLARES DO SEXO MASCULINO DE 9 A 15 ANOS DURANTE ACOMPANHAMENTO LONGITUDINAL

Autores

  • Rodrigo Villar
  • Benedito Sérgio Denadai

DOI:

https://doi.org/10.12820/rbafs.v.6n2p19-27

Palavras-chave:

Limiar anaeróbio, Maturação, Escolares, Aptidão física.

Resumo

0 objetivo deste estudo foi verificar o efeito da idade cronológica e da maturação biológica sobre índices de aptidão física e composição cor­poral, em escolares de 9 a 15 anos do sexo masculino, durante um acompanhamento longitudinal de 9 meses. Participaram do estudo 42 voluntários, alunos da rede estadual de ensino, que estavam cursando entre a 5a e a 8a série do ensino fundamental, sendo divididos em três grupos de acordo com a idade cronológica (9,50 a 11,49 anos; 11,50 a 13,49 anos e; 13,50 a 15,49 anos) e a maturação biológica (Pré-G1; Púbere-G2 e 3; Pós-G4 e 5). Os indivíduos foram submetidos a um teste máximo de corrida de 40 s(CAn) e de 5 min (PA). A partir destes dados foi calculada a velocidade correspondente ao limiar anaeróbio (VCL). As distâncias percorridas nos dois testes (PA e CAn) apresenta­ram aumento em função da idade, principalmente quando se levou em consideração a maturação sexual. A VCL não foi diferente entre os gru­pos e significantemente correlacionada com o somatório de duas do­bras cutâneas (r = -0,41). Durante o acompanhamento longitudinal de 9 meses, não existiram modificações significantes nos índices de aptidão física e composição corporal. Com base nestes resultados, pode-se concluir que a melhora da PA, CAn e composição corporal em escolares do sexo masculino de 9 a 15 anos de idade, ocorre principal­mente em função do processo de maturação, não existindo provavel­mente influência das aulas regulares de educação física, quando seus efeitos são acompanhados durante um ano letivo (9 meses).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-10-15

Como Citar

1.
Villar R, Denadai BS. EFEITOS DA IDADE NA APTIDÃO FÍSICA EM ESCOLARES DO SEXO MASCULINO DE 9 A 15 ANOS DURANTE ACOMPANHAMENTO LONGITUDINAL. Rev. Bras. Ativ. Fís. Saúde [Internet]. 15º de outubro de 2012 [citado 8º de dezembro de 2021];6(2):19-27. Disponível em: https://www.rbafs.org.br/RBAFS/article/view/932

Edição

Seção

Artigos Originais